19
Jul 10
U M B E I J O “Beijo roubado não tem sabor por ser dado a correr, mas como coisa de valor trata de m’o devolver” Ele era um rapaz todo galante, conquistador e atrevido, um verdadeiro pinga amor e, as moças, todas se derretiam com as suas falécias. Onde aparecia, era um olhar de paixoneta que seduzia todo o elemento feminino. Sempre bem barbeado e penteado onde a brilhantina fazia reflexo nas suas melenas. Vestindo sempre apurado, o seu fato de boa fazenda, as calças bem vincadas. O casaco e a gravata sem sombras de nódoas, a gordura dos comestíveis ali não tinha lugar. Calçando verniz, com passadas bombeantes, todo ele respirava prazer. As moças o adoravam e a sua companhia era uma verdadeira disputa. De entre elas a Mica Cantadeira, um mimo de graça e bom humor, derretia-se quando ele, o Xico das Pingas ( Xico por ser Francisco e das Pingas, por elas sempre andarem atrás dele pingando carícias – inveja dos outros ). . . e quem disse que as cachopas gostam dos atrevidos ? Certamente foi no confessionário que se deu essa descoberta !... Toda chorosa, certo dia a Micas, foi à fala com a Zéfinha, a mãe do Xico : - Senhora Zéfinha, o seu filho é um maroto. -Que “t’aconteceu”rapariga, fez-te mal ? - Não Senhora, roubou-me um beijo,… de fugida ! - E “atão”, não gostaste, “num” é ? - Não sei !É que ele é um maroto, só me ROUBOU UM ! ! ! . . .
publicado por Varziano às 16:40

Julho 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
13
14
15
16
17

18
22

25
26
27
29
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

arquivos
2013

2012

2011

2010

2009

2008

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO